ESPINHA NO VERÃO. SÉRIO?

Cravos e espinhas são desagradáveis em qualquer época do ano, e ainda mais nos meses mais quentes, quando as pessoas expõem mais o corpo e usam menos maquiagem. O problema é que o calor favorece o aparecimento dessas lesões, pois aumenta a oleosidade da pele, que também sofre mais com os raios ultravioleta do Sol.

Por isso os dias quentes podem significar mais cravos e espinhas, e você precisa reforçar os cuidados com a pele, a começar pela limpeza diária com um sabonete especialmente indicado para isso, com ingredientes capazes de controlar a oleosidade, remover as impurezas da pele e proteger contra bactérias. A pele deve ser lavada duas vezes ao dia, com água fria ou morna, para deixar os poros desobstruídos e ajudar a evitar o aparecimento de espinhas.

A hidratação também é importante para manter a quantidade adequada de água na pele e impedir o ressecamento. Nem é preciso dizer que a aplicação de protetor solar é indispensável para proteger a pele da radiação UV, assim como se recomenda o uso de óculos escuros, chapéu e roupas de algodão de cor clara.

Não deixe de tomar bastante líquido, de preferência água e sucos naturais, nem se descuide da alimentação. No cardápio diário, escolha alimentos que ajudam a prevenir os danos provocados pelos raios solares, como maçã, mamão, cenoura, beterraba e abóbora, que contêm carotenoides, cuja ação é antioxidante e auxilia na hidratação da pele.

Portanto, lembre-se que a combinação de calor, oleosidade e suor e exposição aos raios UV favorece o aparecimento da acne solar, já que aumenta a obstrução dos poros. Cabe a você redobrar os cuidados com a pele e aproveitar ao máximo todas as delícias proporcionadas pelos dias mais quentes, que não são poucas. 

Cuidado facial